7 dicas comprovadas para economizar no mercado

Não importa se você é do time dos que amam ficar passeando naquele mar de corredores e prateleiras infinitas do supermercado ou do time dos que odeiam tudo isso, mas uma coisa é certa: todo mundo quer mesmo é economizar no mercado!

economizar no mercado - salva casal

Reprodução: Evan R. Photography

E não é surpresa que muitas pessoas se empolgam e voltam para casa com o triplo de itens que listaram para as compras do mês — ou da semana. E nas primeiras compras pode até não ser um problema, mas essa hábito pode se tornar um problema e resultar em planejamento financeiro fica todo bagunçado.

Como não está fácil para ninguém, cedo ou tarde esse dinheiro com certeza vai fazer falta, não é verdade? Pensando nisso, hoje vamos contar X dicas comprovadas para economizar no mercado.

LEIA MAIS: O método para guardar dinheiro mais famoso do Japão

A questão é que o mercado tem estratégias básicas para atrair os clientes e fazer todo mundo gastar mais do que originalmente deveria. Tudo é muito bem pensado, desde a música até a disposição de todas as mercadorias . É tudo realmente feito para influenciar o cliente.

E se eles usam técnicas, nós consumidores também devemos usar, né! Se você precisa guardar um dinheirinho ou quer aprender a não ser tão influenciado na sua próxima visita ao supermercado, este post é pra você! Preste atenção nessas 7 dicas para economizar no mercado aqui abaixo:

7 dicas comprovadas para economizar no mercado

economizar no mercado - salva casal

1- Cheque sua dispensa

Antes pensar em sair para ir comprar algo no mercado ou na feira, olhe sempre sua dispensa e sua geladeira. Veja o que você tem em casa e o que realmente está faltando para que você não acabe comprando o que já tem. Além de gastar dinheiro desnecessário, você ainda corre o risco de deixar o alimento estragar.

LEIA MAIS: 15 dicas infalíveis para juntar dinheiro

LEIA MAIS: 12 ideias de programas a dois e de graça

2- Faça uma lista do que precisa

Logo após checar sua dispensa, anote o que você precisa comprar e a quantidade de cada item — vale listinha de papel ou pelo celular. É muito importante ir ao mercado com uma lista, pois assim você terá controle do que realmente é necessário e não vai correr o risco de ficar vagando pelos corredores. Novamente: não se empolgue, foque na lista!

3- Defina até quanto você pode gastar

Seria ótimo poder ir ao mercado sem se preocupar com quanto pode gastar e sair pegando tudo sem consultar o preço, certo? Mas nem sempre é assim. Então, antes de você sair de casa, defina o preço de quanto você pode gastar no mercado para acabar não ultrapassando um limite e depois ficar sentindo-se culpado por ter gasto um dinheiro que poderia ter sido utilizado com outra coisa. Se por acaso, no fim do mês, sobrar um dinheiro, então sinta-se a vontade para gasta-lo como desejar, seja no mercado ou em outro local.

4- Leve uma calculadora

Use uma calculadora para ficar no limite estipulado. Assim, dá para ter total controle financeiro e se sobrar um dinheirinho você ainda vai poder aproveitar alguma promoção relâmpago ou comprar aquela guloseima especial.

LEIA MAIS: 10 receitas para um jantar romântico inesquecível

LEIA MAIS: Buquê de pizza é a nova moda dos casamentos!

5- Escolha um bom horário para fazer compras

Se você tem horários disponíveis, vá ao mercado de manhã ou pela tarde quando a maioria das pessoas está em horário de trabalho. Nesse horário você vai conseguir fazer as compras com mais cuidado, prestando atenção no que realmente quer comprar. Caso você não tenha essa flexibilidade, tire um tempo após o trabalho, coma algo e vá com calma.

6- Preço x Qualidade x Validade

Conferir os preços dos produtos é legal, mas não vale a pena você levar um produto mais barato e fora da validade, certo? E do que adianta comprar um produto mais barato e com uma qualidade inferior se isso não irá suprir suas necessidades?

Então sempre tente se adequar ao custo beneficio dos produtos. Por exemplo, comprar o  detergente mais barato que não produz estuma suficiente vai fazer com que você acabe usando mais detergente do que o de costume. No fim, você não economizou pois o produto acabou antes do que deveria e logo você terá que comprar outro.

Outro ponto importante é verificar a validade de cada produto. Alguns mercados gostam de colocar produtos perto de vencer ou já vencidos  com preços mais baratos, fique atento!

7- Confira o preço

Depois de toda essa aventura percorrendo o mercado, enfim chegou a hora de abir a carteira. Nessa etapa continue a observar os preços enquanto a caixa passa os produtos, conferindo se está tudo dentro dos conformes. Já que sempre existe a possibilidade do preço aparecer diferente do que estava na prateleira. Após ter finalizado e pago, pegue o comprovante de compra emitido pelo supermercado. Depois verifique os valores novamente para ter certeza de que tudo está certo e que nada foi cobrado a mais.

A listinha não é grande e com certeza irá ajudar seu bolso cada vez que você seguir esse passo a passo. Mas se não lembrar de tudo, foque em fazer as compras de acordo com sua necessidade. Ah, e sempre  olhe ao redor, já que geralmente os produtos mais caros estão ao alcance dos olhos. Esperamos que essas dicas sejam úteis!

Compartilhe esse post: